18 outubro 2019

Comentando livros: Em Algum Lugar Nas Estrelas - Clare Vanderpool

Em Algum Lugar Nas Estrelas - Clare Vanderpool



Olá pessoal, tudo bem com vocês?

Voltei e hoje vamos falar sobre um livro de narrativa bem poética: "Em Algum Lugar Nas Estrelas" da autora Clare Vanderpool. Eu nunca tinha ouvido falar dela nem desse livro, mas acabei comprando e ele foi o primeiro livro que li no Kindle.

Sinopse



EM ALGUM LUGAR NAS ESTRELAS é um romance intenso sobre a difícil arte de crescer em um mundo que nem sempre parece satisfeito com a nossa presença. Pelo menos é desse jeito que as coisas têm acontecido para Jack Baker. A Segunda Guerra Mundial estava no fim, mas ele não tinha motivos para comemorar. Sua mãe morreu e seu pai... bem, seu pai nunca demonstrou se preocupar muito com o filho. Jack é então levado para um internato no Maine (o mesmo estado onde vivem Stephen King e boa parte de seus personagens). O colégio militar, o oceano que ele nunca tinha visto, a indiferença dos outros alunos: tudo aquilo faz Jack se sentir pequeno. Até ele conhecer o enigmático Early Auden.




resenha em algum lugar nas estrelas
Darkside

O livro vai falar sobre perdas, amizade, vivência, sentimentos... Jack Baker é um adolescente do Kansas que, após a morte da mãe, acontecimento pelo qual ele se culpa, acaba indo para o internato para meninos chamado Monton Hill, no Maine.

No colégio interno, o garoto fica meio isolado, seu passatempo são revistas do National Geografic. Até que ele conhece Early Auden (o mais estranho dos garotos) que mal frequenta as aulas.


"A vida não cabe em uma taça, e nada dura para sempre".

Early é muito inteligente e vê detalhes que não são fáceis de serem percebidos. Além de ser muito bom com números. O mais estranho dos garotos tem uma história especial sobre o número Pi. Tanto que o livro tem narrativas sobre as Aventuras de Pi, onde Pi é um personagem e tem que conquistar seu nome (Polaris - como a estrela). Segue trecho sobre Pi:

"- Este é Pi. E os outros números são a história dele. A história de Pi começa com uma família. Três é a mãe. Ela é bonita e bondosa, e o leva sempre no coração. Quatro é o pai. Ele é forte e bom. E aqui - Early apontou o número um no meio - está Pi. A mãe deu a ele o nome de Polaris, mas disse que ele teria que conquistar seu nome."

A relação harmoniosa entre Jack e Early é linda. Uma amizade bem estruturada onde, após alguns acontecimentos, ambos saem em uma viagem para encontrar Fisher Auden (irmão de Early) que, segundo o mais estranho dos garotos, sobreviveu à guerra. E também para saber qual o paradeiro de Pi.

A aventura dos garotos é bem recheada: piratas, explosões, urso, velha de cem anos, homem destruído... Uma poesia bem fantasiosa.
O livro é muito bem escrito, a autora é genial na construção dos personagens, especialmente em relação a Early Auden, que, em minha opinião, é o personagem mais bem construído e completo.
Não sei o porquê, mas a narrativa deste livro me lembrou a de "A Menina Que Roubava Livros", talvez por se tratar de uma narrativa poética (que eu amo).

"Tentei parecer ocupado, com medo de passar algum tempo parado e ser jogado fora também."

Este livro foi bem inesperado, que veio na hora certa. Recomendo, pois sua leitura vale muito.

"Ele não sabia se havia conquistado o nome Polaris ou não, mas não tinha mais importância. Queria ouvir o nome pelo qual a mãe o chamava. Pi."

Espero que tenham gostado. Eu gostei e muito.

Até a próxima!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fã page | Twitter | Instagram

Críticas construtivas são sempre bem vindas.
Deixe o link do seu blog no final do comentário e retribuiremos a visita
Aceitamos TAG's, se não a respondermos, provavelmente nós já devemos ter respondido anteriormente por outra indicação.
Lembre-se, tudo aqui é feito para você, então fique a vontade para pesquisar,ler,comentar e pedir postagens.

© BELEZA NERD 2013 - 2019. Todos os direitos reservados.
Layout e codificação: GLEICY HANER - DESIGNS E FOTOGRAFIA .
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo